Tua face

Paulo Nunes Junior
 

Doce olhar penetrante em misto de sedução e ingenuidade
doçura viva de uma alma límpida.
Procurando seu novo porto seguro
Teus cílios marcantes
fazem o contorno em teus olhos de jabuticaba, Meus agora...
De ora em diante os próprios condutores de meu  viver!
 
Tua pele lembra-me da leveza dos lírios a tocar-me o rosto
em teu ouvido baixinho trocar nossos versinhos de amor,
Como crianças por momentos,
como amantes com furor em outros;
em cada um destes instantes mágicos, marcantes o suficiente.
Para se perpetuarem diante dos deuses de amor,
Tocá-los; e sermos agraciados com suas bênçãos...
 
E em nosso olimpo próprio agora envolvemos nossas almas
neste entrelace de corpos e entrega apaixonada,
onde juras se fazem de amor eterno
simples promessas não são pactos diante do próprio universo
 
Um pacto que será delicioso cumprir e viver,
aqui e acolá; hoje e amanhã...
O tempo é nosso, o sol, a lua e as estrelas ao nosso redor,
Assistem nossa dança sobre este universo antes pálido,
Agora tocado pelas cores do amor
meio ao infinito nossa marca maior!

 

Paulo Nunes Junior

 


Indique este Site!

 

voltar