Feitiço...

 

Teus olhos dominaram-me a alma,

fizeste deste corpo teu escravo,

dominaste meu ser com a tua magia

Que mais me sugere um feitiço...

E a esta poção entrego-me sem limites...

Contigo enfrento tudo

e contigo sem medo me faço homem feliz!

 

Tu te transformaste em meu alimento,

meu ar, meu sol, minha lua, minhas estrelas...

Não sei começar o dia sem te beijar e no decorrer dele,

sem te amar na plenitude máxima.

Eleva-me acima dos astros...

Sinto-me dono do mundo ao permitires que te possua por inteira,

Domina meu ser e me faz senhor deste teu mundo,

cheio de mágicas...

 

Com teu olhar penetrante me faz sentir menino perante ti

e com tua voz leva-me junto aos pássaros,

com eles, em harmonia plena,

 te levo o canto mais belo ao te dizer:

Te amo! te amo! te amo!

Sem me entregar continuo o meu caminhar...

 

Poderão os espinhos surgirem

Mas, com você certamente haverá a cicatrização de todas as feridas...

Poderá o frio se apresentar

Mas, em teu corpo faço a manta que me protege;

Poderá a fome me encontrar

 Mas, faço de ti o alimento que toma-me a alma;

Poderão os vulcões despertarem

Mas, o teu encanto certamente os fará voltar ao normal;

Poderão as trevas avançarem

Mas, contigo, ao meu lado, elas serão sempre vencidas;

Poderá o desânimo tocar-me,

Mas, o teu cheiro me dará a renovação

para que tudo se reinicie e a nada se entregue...

Afinal, que feitiço é este que fizestes,

que agora, sem ti; não consigo existir?

Ah, que feitiço delicioso!...

 

Paulo Nunes Junior

 

 

Indique este Site!

 

voltar