E
 
Forte magia...

 

 

Meus olhos entregam-te meus pensamentos mais profundos,

de ti faço meu confidente...

Sinto que paras ao perceber que exerce este encanto sobre minha alma,

A minha frente forte e feroz,

Passando-me que tenho que ser leão

na minha passagem por este planeta...

 

Em mesmo instante torna-se tranqüilo e sereno,

Daí, entendo que és confidente seguro para minhas aflições.

Se a renovação da alma me traz...

É porque consegue esconder na profundeza de teu seio minhas fraquezas...

 

Meus olhos ficam pequenos diante de tua imensidão,

ao saber que tu és recanto de anjos sábios do amor,

fonte de inspiração a escritores e companheiro dos amantes...

Em tua magia a saudar-me com tua beleza mudas de tom,

vindo do azul profundo ao tons de turmalina encantada...

 

Acolhe em tua imensidão almas que de ti não souberam respeitar

Outras, a quem chamastes nesta magia,

que toma parte do grande planeta...

Guardas contigo até deusas, sereias e, dizem...

Que ainda acolhe cidades fantásticas

Onde o amor reina e a dor se distancia e a alegria é permanente...

 

Frente a ti fui buscar as forças que necessitei

Para vencer a dor maior provocada por um grande amor,

E me renovastes...

Se pudesse escolher meu último leito escolheria a ti para acolher-me...

Mas, justo não seria entregar-me a vós...

Pois, tu foste inspiração para viver...

Não poderia ser o manto da morte.

Salve tu, ó Oceanos!

A banhar este paraíso de encanto

desenhado pelo maior de todos os arquitetos...

 

 

SP Brasil

29/11/2006

 

 

 
 
 
 


 

Indique este Site!