BRINCANDO DE SER DEUS!...

 

Ah!...Por estes caminhos que percorro nestes anos de vida...

Quantas vezes,

Deparo-me com aqueles que teimam em brincar de Deus!...

 

Ah como são ingênuos!...

Os que julgam como criador e imediatamente sentenciam suas vítimas;

 

Ah como são hipócritas!...

Os que usam do poder das palavras para ao invés,

 de lançar amor, propagar a discórdia;

 

Ah como são ferozes!...

Os chamados marginais, que se investem de um poder único do criador,

E tiram a vida de seus semelhantes;

 

Ah como são cegos de espírito!...

Os que apregoam uma paz falsa, com o único objetivo de preparar novo ataque as suas vítimas ingênuas;

 

Ah!...E aqueles então...

Que investidos pelo poder, emanado do povo,

governam só pra si, para seus próprios interesses,

tendo por objetivo só a riqueza material...

 

Ah...E aqueles que em nome deste mesmo Deus...

Fazem guerras deixando por seus caminhos...

Órfãos, crianças mutiladas, simplesmente por se acharem o próprio Deus...

 

Ah...Como dói!...

Quando sabemos que alguém tira sua própria vida...

Cometendo o chamado suicídio.

Mais uma vez brincou-se de Deus!...

Porque só a ele cabe o direito de se tirar algo

que ele mesmo deu...

 

Ah...O quanto que meu coração lamenta...

Quando vejo alguém ainda discutir sobre a existência de Deus,

Quando tão simples é a constatação...

Bastando para isto que se olhe o próprio reflexo e

Veja que é dentre os seres vivos, o mais perfeito!

Pois, que nos é dado o livre arbítrio,

podemos escolher, nossos próprios caminhos...

Neste divisor entre o bem e o mal....

 

A mim...

Cabe somente voltar-me a este Deus...

Que tanto amo, e pedir...

Que com sua benevolência perdoe a todos que brincam de Deus...

Que lhes dê tempo para uma reflexão profunda...

Que cada qual se encontre com seu próximo como irmão sendo...

Que o amor venha a vencer e tocar todos os corações!...

 

Paulo Nunes Junior

02/03/2006

 

 

Indique este Site!

Voltar