P ôxa amigo, uma dessas

A té mexe com a alma de um poeta...
U ma surpresa, que surpreende mesmo...
L i, e agradeci ao meu Amigão, perguntando
O nde Ele foi achar alguém
N esta Net tão doida, com
U m sentido do que é uma real amizade...
N ão tenho palavras para agradecer
E ste presente tão... tão... é isso aí...
S ó posso dizer, OBRIGADO irmão Paulo...
 
Um beijo no coração extensivo a todos aqueles que acharem que eu mereço
tudo o que meu amigo Paulo diz aqui...
Osculos e amplexos,
Marcial
 
 
 
 
 
 
 

 

________________________
Menestrel das Letras!...
________________________
       AUTOR: PAULO NUNES JR
                         
  
                  

Por caminhos que percorri no mundo encantado das letras,

Deparei com senhores na escrita.

Muitos deles de grande luz e encanto,

com a pena mágica das palavras que tocam as almas, entre estes...

Conheci um amigo.

Que com sua maestria no uso das palavras toca a muitos corações,

Adentra este mundo chamado virtual e inúmeros lares,

Com respeito e carinho abre seus caminhos

sempre acompanhado com muita rima e respeito.

Cuida de cada uma de suas poesias

como uma estrelinha a ser deixada na tela,

à disposição de serem salvas por estes corações

que buscam o encanto.

 

E lá vem este senhor, a quem chamo intimamente,

de “Menestrel das Letras”

Que já tive a alegria de abraçar e ser abraçado,

ser chamado de amigo,

Com seus olhos azuis na cor dos oceanos claros,

Seus cabelos brancos na marca de sua sabedoria,

Na sua simplicidade culta vai caminhando entre as letras

Difundindo o verdadeiro amor.

No virtual e no real,

editando seus livros com carisma

perpetuando sua marca na imortalidade...

Salve tua luz Querido Poeta!

 

Que tua maneira de conduzir a poesia com respeito e luz

possa sempre ser copiada por muitos.

Que sua forma branda e doce

Misture sempre paz e esperança

aos poemas tristes e rancorosos,

com tua forma meiga de amenizá-los

 na tarefa bendita de seu toque e compreensão maior.

 

Assim é você meu doce amigo,

sempre pronto a colocar uma bandeira branca,

de paz real...

Sempre pronto na tarefa maior de perpetuar o amor

como alicerce da boa poesia.

 

Bendito sejas Tu e teu encanto,

Bendito teu Dom,

a quem costumo usar de referência!

Lancem sempre os anjos, luz em tua trajetória

e possamos estar a teu lado sempre...

Salve Poeta Marcial “Menestrel das Letras...”

 

Paulo Nunes Junior

SP Brasil

22/08/2006


**
*
 

Indique este Site!

Voltar