Ó anjo meu de falanges intrépidas
da qual represento àquela terra vã,

em serpenteadas correntezas lépidas

nas brumas presentes do novo amanhã...

 

- Casta fonte segura desse chicote

Postado legítimo de cinturão crasso

No manto arado de passo a termo

O derradeiro na alma do enfermo –

 

D´um monte seguro destas alturas...

Clamo por ti no rito-defesa

Aos negros olhos jaboticabas,

 

Na flor macia rubra-vermelha

Encanto pássaro destes cardeais

Enrede meus dias à magia ancestrais!

 

Príncips

20/08/06

 

 
Imagens Royaltyfree
 
 
 
 

Indique este Site!

Voltar